As-cinco-tendências-no-mundo-empresarial-para-2018-1

Sou empresário! E agora?

Artigo é da autoria de Emília Alves, Business Coach da ActionCOACH Lisboa.
30 Janeiro 2019

Ser empresário não é ser dono de uma empresa!

Ser empreendedor não é ter uma visão, vontade e ambição de lançar um negócio, por ter uma ideia diferente, por vezes mesmo disruptiva!

Ser empresário pode ser um percurso que se inicia fruto da insatisfação com o que se tem, a visão de uma vida mais equilibrada e com mais dinheiro, criando o seu próprio emprego: auto-emprego!

E no seu caso? Estava insatisfeito com o seu emprego ou herdou uma empresa?

Auto-emprego significa auto-gestão da sua vida e do seu negócio e se este evolui, rapidamente se apercebe que tem que contratar outras pessoas e começa a formar uma equipa, tralhando ao lado daqueles que contratou e como eles recebendo um salário, tendo ainda que gerir o seu trabalho e o deles. Finalmente é um gestor, mas na grande maioria dos casos ainda não se consegue ver como um empresário porque continua a ter um emprego  muito absorvente, a ser o técnico,  trabalhando muitas horas e não usufruindo mais do que um bom salário….

Foi o que lhe aconteceu?

A transição de gestor para empresário faz-se da criação de uma equipa, com as devidas competências e soft skills, em quem possa delegar, libertando-se do que são todas as atividades que não deve estar a fazer, pois tem de parar para pensar, planear e implementar o plano de acção que o vai levar à alcançar a visão que teve quando criou a sua empresa. Além disso, para que tudo possa funcionar como uma máquina bem oleada, vai precisar de sistematizar o seu negócio e são estes sistemas que vão gerir a sua equipa. A liderança cabe-lhe a si desenvolvê-la.

Ser empresário é ter um mindset de empresário, a identidade de empresário, em primeiro lugar. Ter a capacidade de crescer e de se desenvolver, transformando a visão que tinha de si mesmo como o bom profissional, o técnico, para o empresário que lidera equipas, desenvolve estratégias, planeia o futuro e executa o plano de acção que delineou com essas equipas

Mais fácil de dizer do que fazer! Mas não tem que o fazer sozinho.

A sistematização do seu negócio vai proporcionar transformar a empresa na tal máquina bem oleada e a funcionar com a equipa que escolheu, treinou, e que deverá partilhar a sua visão e os objetivos empresariais. Mas para que tudo isto aconteça tem que desenvolver uma cultura de disciplina e de excelência na organização.

Os nove passos para sistematizar o seu negócio passam por:

 

  1. declaração de Visão
  2. declaração de Missão
  3. cultura: valores
  4. objectivos Smart
  5. organograma
  6. acordos Posicionais
  7. KPIs – Indicadores de Desempenho
  8. manuais de procedimentos
  9. gestão de objectivos

 

Estes, vão proporcionar-lhe a estrutura de que precisa para que a empresa possa funcionar sem a sua presença, alinhando a sua equipa, liderando-a. Mas não chega.

Ser empresário significa trabalhar o seu ser; desenvolver as suas competências, as suas soft skills, através de leitura, da visualização de vídeos, de participação em workshops e conferências, eventos com os seus pares, que partilham as suas dores e visões similares à sua, alterar os seus hábitos que o impedem de avançar e adquirir novos hábitos, eliminar crenças limitadoras…..

Se não crescer, como é que quer que o seu negócio cresça?

Os seus resultados surgirão na medida em que conseguir ser melhor e fizer o que tem que ser feito e isto, por vezes, significa não só fazer mais, mas melhor, e mesmo deixar de fazer certas coisas que pode, por exemplo, delegar, ou mesmo erradicar.

Parece-lhe bem?

 

Difícil fazê-lo sozinho?

 

Ser empresário significa desenvolver a sua liderança, procurando estratégias inovadoras, ter a humildade de reconhecer os seus pontos fracos, aproveitar as oportunidades de os transformar em fortes e desenvolver os seus pontos fortes, estar ao serviço da sua equipa, através do exemplo, consistência e congruência e criando outros lideres na organização.

Se não consegue fazê-lo sozinho pode pedir ajuda de um coach ou de um mentor, mas o primeiro passo pode passar mesmo por começar a sua formação e pelo desenvolvimento das suas competências, criando assim a identidade de Empresário!

O tempo é o seu ativo mais valioso. Descubra como aumentar a sua produtividade, trabalhar menos 10 horas por semana e conseguir mais tempo para a sua família e amigos!

 

Preencha os dados para receber o nosso eBook “Trabalhe menos 10 horas por semana e prospere financeiramente!”.

GESTÃO DE TEMPO

lm tempo ebook preview
EBOOK GRÁTIS

Partilhar:

Emília Alves

Licenciada em Línguas e Literaturas modernas, Inglês e Alemães, aprofundando a área da formação através de uma Pós-graduação e Certificação em Liderança Estratégica por Valores e Coaching, na Universidade Carlos III, em Madrid, homologada pela International Coaching Federation, de que é membro e Coach certificada. Carpe diem é o seu motto e sente que gostaria de ter muitos anos de vida para fazer tudo aquilo que gostaria de fazer como pessoa e como Coach, na senda da excelência e da maximização do seu potencial e dos seus coachees.

Últimos artigos de Emília Alves